Buscar
  • Simone Negrão

PARA LÍDERES: COMO A COMUNICAÇÃO MELHORA O TRABALHO REMOTO



Recentemente, postamos em nossas mídias uma imagem sobre 5 formas que os líderes podem aumentar o foco e o engajamento de suas equipes em home office. Recapitulando, as 5 formas são:


1 – Manter a comunicação em nível constante e de qualidade;

2 – Dar apoio emocional e social à equipe;

3 – Manter o nível de produtividade e engajamento da equipe alto, com isso é possível dar foco no que é estratégico;

4 – Providenciar toda a tecnologia necessária para o bom andamento do trabalho remoto; e

5 – Fomentar o equilíbrio entre o trabalho e a vida social / familiar do colaborador.


Agora, vamos dar alguns detalhes sobre cada uma dessas formas, provendo algum aprofundamento.

Nas empresas em que atuei, identifiquei muitos problemas de comunicação. Aliás, em todas. A comunicação é uma questão recorrente e mal resolvida na maioria das empresas, ocasionando, muitas vezes, retrabalho, perda de tempo, dinheiro e até conflitos. A situação se agrava em tempos de pandemia, quando o trabalho é feito remotamente em home office.

Então, como os líderes podem não “pecar” na comunicação, uma vez que ela precisa ser aprimorada, mais do que nunca?

Percebam que quando os colaboradores trabalham em casa, muitas vezes eles podem se sentir desconectados de suas empresas.

Uma pesquisa publicada no MIT Sloan School of Management realizada com 350 líderes de RH revelou que 47% citam a comunicação como crucial em sua transição para o trabalho remoto.


Há cinco características que tornam a comunicação mais efetiva:

· Frequência

· Transparência

· Mão dupla

· Fácil de navegar

· Consistente.


Esses princípios de comunicação são cruciais quando a força de trabalho de uma empresa é remota.


FREQUÊNCIA

Para aumentar a frequência da comunicação, muitas organizações fazem atualizações diárias ou semanais do CEO e as tornam acessíveis a todos os funcionários em tempo real. Na pesquisa citada da MIT, os colaboradores indicaram que têm preferência por atualizações de vídeo e webinars, pois consideram mais eficazes do que e-mails.


TRANSPARÊNCIA

Os colaboradores valorizam líderes que explicam suas decisões e esclareceram a razão por trás dessas escolhas. Na pesquisa do MIT, veja o que dois dos respondentes relataram:

- Transparência frequente e total na comunicação em relação ao impacto nos negócios, tomada de decisões, feedback do conselho e mentalidade de liderança.

- Ser transparente sobre o impacto financeiro da pandemia que está causando aos negócios e discutir juntos as opções para manter todos em vez de demitir.


MÃO DUPLA

Os colaboradores gostam de ferramentas que os ajude não somente a esclarecer dúvidas e preocupações, especialmente sobre a situação da empresa diante da Covid-19, como também serem ouvidos, através de ferramentas como: pesquisas semanais, feedbacks anônimos e poder fazer perguntas em tempo real. Algumas empresas lançam mão de Town Hall (um tipo de reunião aberta entre presidência/diretoria e os colaboradores) virtual, onde os colaboradores podem fazer perguntas diretamente à cúpula.

Outras empresas criaram um comitê Covid-19 que recebe perguntas e preocupações enviadas por qualquer colaborador, busca a pessoa mais adequada para prover a resposta e a comunica ao funcionário de forma rápida e ampla por toda a organização


FÁCIL DE NAVEGAR

Na pesquisa do MIT, vários entrevistados destacaram ser importantes os centros de informações centralizadas sobre questões relacionadas ao trabalho remoto e Covid-19.

Os recursos mais bem classificados incluem perguntas frequentes (atualizadas diariamente), treinamento virtual sobre tendências (exemplos: gerenciamento de equipes virtuais e liderança de reuniões online), mensagens de vídeo arquivadas de líderes e histórias de sucesso de trabalho remoto de colegas. Eles também destacaram a necessidade de comunicar diretrizes claras sobre as políticas de RH que foram particularmente relevantes durante o Covid-19, como dias de licença médica, folga e horas de trabalho previstas.


CONSISTENTE

Um dos obstáculos mais comum para a comunicação eficaz são as mensagens conflitantes de diferentes partes da organização. Os diversos departamentos, como RH, finanças, vendas, jurídico e operações, devem enviar uma mensagem unificada a todas as partes interessadas, incluindo funcionários da linha de frente, trabalhadores remotos, fornecedores, terceirizados, consultores e clientes.


A comunicação é a primeira das formas de melhorar o trabalho remoto, teria que comentar mais quatro. Contudo, estes serão os tópicos dos próximos artigos.

Fique atento ao blog da MENSEN e não perca os “próximos capítulos”.



(Fonte: inspirado no artigo “Five Ways Leaders Can Support Remote Work”, publicado no MIT Sloan Management Review)